quarta-feira, fevereiro 23, 2005

É (um pouco) eu na fita

Kerouac e Vonnegut a caminho

É hora de reler dois grandes escritores norte-americanos. De Jack Kerouac será relançado, em abril, O Viajante Solitário, pela coleção L&PM Pocket. Um prato cheio será servido no segundo semestre do ano, com a tradução de seus diários, revelando um pouco mais da vida privada do autor de On The Road. Intitulado The Windblown WorldThe Journals Of Jack Kerouac 1947-1954 (ainda sem título em português), o livro terá tradução de Lúcia Britto e será lançado pela L&PM. A editora também é a responsável por trazer de volta às prateleiras nacionais a obra de Kurt Vonnegut, autor que andava meio esquecido por aqui. Um de seus livros mais célebres, Matadouro 5 (tradução de Cássia Zanon), já está nas livrarias, e Breakfast of Champions aparece no segundo semestre. Escrito em 1969, durante a Guerra do Vietnã, Matadouro 5 é uma leitura imprescindível. Dramático e ao mesmo tempo sarcástico, realista e ao mesmo tempo fantasioso, o livro conta a história de um americano que sobrevive ao bombardeio à cidade alemã de Dresden, na Segunda Guerra, quando morreram 135 mil pessoas – uma experiência pela qual o próprio autor passou.

0 Falaram:

Postar um comentário

Link

Criar um link

<< Volta