domingo, maio 08, 2005

Dia 15

Caminhada na beira da praia. Um trecho em Copacabana, perto do Forte, depois do Arpoador ao Leblon, na companhia mais do que divertida dos nossos queridíssimos e pacientes anfitriões. No meio do caminho, em Ipanema, pegamos a não menos animada Rosa Maria para um chope com bolinho de aipim com camarão e catupiry.

Depois de uma caça em Ipanema ao presente da mãe do Bernardo – não por acaso a Rosa Maria ali de cima –, andamos mais umas quadras ao pôr-do-sol da beira-mar para um merecido almoço (nossa noção de horário de almoço mudou deveras nesta temporada carioca) no Botequim Informal (com caipirinha de tangerina, a popular bergamota).

À noite, apesar da persistente gripe e da preguiça provocada pela comilança e a beberança da tarde, resolvemos que não dava para ficar a última noite na Maravilhosa assistindo ao Supercine. Ambos de pretinho básico, voltamos ao Leblon, onde caminhamos, folheamos livros e revistas na Letras & Expressões e dividimos uma saladinha com limonada suíça no Doce Delícia. A orgia gastronômica entra na fase final.

PS.: São 2h30min de domingo. Nosso avião para Porto Alegre decola para São Paulo (onde vamos esperar por duas horas por uma conexão) em pouco mais de 12 horas. As malas estão prontas. As férias foram excelentes so far, mas estou morrendo de saudade de casa. E ainda por cima é dia das mães.

0 Falaram:

Postar um comentário

Link

Criar um link

<< Volta