sexta-feira, setembro 17, 2004

Eu tenho orgulho de quê?

Não me desceu bem esta campanha que lançaram aqui no Rio Grande do Sul falando do "orgulho" de ser gaúcho. Acho estranho alguém ter orgulho de uma coisa sobre a qual não tem nem nunca teve qualquer ingerência. Acho que a gente pode ter orgulho do que FAZ ou do que PENSA ou do que ACREDITA, mas ter orgulho de SER uma coisa casual... É como dizer "tenho orgulho de ter olhos verdes" ou "tenho orgulho de ser mulher".

Eu tenho orgulho de ser jornalista (so shoot me!) e tradutora, mas GOSTO de ser mulher. Da mesma forma, eu GOSTO de ser de Porto Alegre, mas não vejo motivo pra me orgulhar de simplesmente ter nascido aqui. Se bem que, olhando o céu de hoje, eu até que senti uma ponta de orgulho. Mas não do acidental. Senti orgulho de, em 2003, ter escolhido voltar de Sampa pra cá, apesar de tudo, e de não ter tido medo de me sentir covarde por abrir mão de "vencer" na desvairada.

0 Falaram:

Postar um comentário

Link

Criar um link

<< Volta