quarta-feira, novembro 02, 2005

Filosofia chinelona

Assisti hoje à tarde a Batman Begins. Achei tri, mas isso não vem ao caso – nem o fato de que eu sou fãzona do Christian Bale desde O Império do Sol, que eu vi trocentas vezes no vídeo. O que ocorre é que eu me peguei questionando a atitude dos capangas que dão a vida por um empreguinho chinelão de... capanga!

Na boa! Que tipo de emprego faz o sujeito dar a própria vida pelo empregador? Porque eu não tô falando de uma profissão nobre, de arriscar o pescoço pra salvar um grande líder mundial. Não. Eu tô falando de capanga de mafioso do segundo time. Por que as criaturas não chutam o balde e dão no pinote? Se algum dia eu fosse idiota o suficiente de aceitar emprego de capanga, era o que eu faria.

Link

Criar um link

<< Volta